À sexta falamos de Inseminação artificial em Periquitos

Publicação: 19-11-2021

Na próxima conferência “À sexta falamos de…”, que a título excecional irá acontecer na próxima segunda feira dia 29 de novembro pelas 21h30m, iremos ter o privilégio da participação especial do Prof. Dr. Kleber da Cunha Peixoto Júnior, que nos irá falar sobre a inseminação artificial em periquitos.

O Prof. Dr. Kleber Peixoto possui graduação em Medicina Veterinária pela Universidade Federal de Minas Gerais (1996), mestrado em Nutrição e Produção Animal pela Universidade de São Paulo (1998), é doutorado em Reprodução Animal pela Universidade de São Paulo (2003) e MBA em Gestão Empresarial pela Universidade Paulista (2009).

Atualmente é professor titular da Universidade Paulista e Professor titular da Universidade Metodista de São Paulo e ainda professor da Universidade São Judas Tadeu.

Tem experiência na área de Medicina Veterinária, com ênfase em Nutrição e Reprodução Animal, atuando principalmente nos seguintes temas: Nutrição, Produção e Reprodução de Ruminantes.

O Prof. Dr. Kleber Peixoto iniciou-se em 2011 na criação de periquitos australianos pois eram mais baratos, mais resistentes, mais férteis e com mutações mais fáceis de se obterem. Depois adquiriu algumas aves cruzadas em lojas, e por fim visitou alguns criadores brasileiros de renome onde, ao longo dos anos, foi adquirindo aves que são a origem do seu atual plantel. Desses criadores destacam-se João Paulo Bueno, Fulvio Lucietto, Renato Uchoa.

Atualmente o seu plantel é composto apenas por periquitos de porte e posição.

Fazendo uso da sua experiência profissional no que respeita à nutrição e melhoramento genético animal, decidiu montar o seu próprio criadouro com o objetivo de obter uma linha genética onde a ave seja mais resistente, mais fértil e mais atrativa.

Não perca a oportunidade de participar em mais esta conferência organizada pelo CPCPO.

Este site utiliza cookies com objetivo de melhorar a sua utilização. Ao navegar no site está a consentir a sua utilização.